terça-feira, 8 de março de 2011

CÂNTICO DA TERRA.


"Eu sou a terra, eu sou a vida. 
Do meu barro primeiro veio o homem.
De mim veio a mulher e veio o amor.
Veio a árvore, veio a fonte.
Vem o fruto e vem a flor.

Eu sou a fonte original de toda vida. 
Sou o chão que se prende à tua casa.
Sou a telha da coberta de teu lar.
A mina constante de teu poço.
Sou a espiga generosa de teu gado
e certeza tranqüila ao teu esforço.
Sou a razão de tua vida.
De mim vieste pela mão do Criador,
e a mim tu voltarás no fim da lida.
Só em mim acharás descanso e Paz.

Eu sou a grande Mãe Universal. 
Tua filha, tua noiva e desposada.
A mulher e o ventre que fecundas.
Sou a gleba, a gestação, eu sou o amor.

A ti, ó lavrador, tudo quanto é meu. 
Teu arado, tua foice, teu machado.
O berço pequenino de teu filho.
O algodão de tua veste
e o pão de tua casa.

E um dia bem distante 
a mim tu voltarás.
E no canteiro materno de meu seio
tranqüilo dormirás.

Plantemos a roça. 
Lavremos a gleba.
Cuidemos do ninho,
do gado e da tulha.
Fartura teremos
e donos de sítio
felizes seremos".

- Cora Coralina -

26 comentários:

  1. Oi, Silvana. Muito bem escolhida a Cora Coralina para comemorarmos o nosso dia. Grande mulher, tão cheia de inspiração. Começou seus escritos tardiamente, o que me leva a não perder as esperanças. Quem sabe um dia...
    Tenha um ótimo final de feriado e parabéns pelo dia de hoje e todos os outros. Beijinhos, Angela
    http://noticiasdacozinha.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Esse poema toca o coração da gente. Coisas de Cora Coralina com suas letras brilhantes. Parabéns pela escolha.Feliz dia da Mulher amiga, montão de bjs e abraços
    http://nosolhosdacoruja.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Gracias por pasar por mi blog y seguirme. Es una lástima que aunque nuestras lenguas se parezcan, no sean tan fáciles de entenderse. Volveré por aquí a ver si voy captando tus versos.
    Un abrazo fuerte
    Begoña de Urrutia

    ResponderExcluir
  4. Acabo de descubrir que tienes traducción. Esto va a facilitar mucho las cosas.
    Unn abrazo fuerte
    Begoña de Urrutia

    ResponderExcluir
  5. Bonito texto!
    Parabéns, feliz escolha.

    Bjs dos Alpes

    ResponderExcluir
  6. O homem é pó, e em pó se há-de transformar.

    No fim sobrarão as lembranças das boas obras.

    ResponderExcluir
  7. Lendo Cora Coralina, senti mais uma vez uma enorme vontade de conhecer Goiás Velho. Quero muito conhecer a casa onde morou a poetisa.

    ResponderExcluir
  8. Olá!!! Silvania, quando estive em Manaus achei que tinha te visto passar no meu caminho, fiquei mais feliz por ser seguidora de um blog tão rico em poesia e magia... Assim, como você amo poesia e ler Cora Coralina é um salto a um lugar fantástico e incrível. Parabéns pela escolha e também, pelo Dia Internacional da Mulher!!! Concordo com o outro comentário: "No fim sobrarão as lembranças das boas obras" (Luís Coelho)....

    ResponderExcluir
  9. Olá Silvana,
    Um pouco atrasada, mas todos os dias são nossos, são dos homens, das crianças, dos animais e de todos os seres vivos, por isso parabéns para todos.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  10. A doce Cora Coralina, sempre perfeita. Abraços.

    ResponderExcluir
  11. Belissima escolha.
    bjs.
    tenha um excelente final de semana

    ResponderExcluir
  12. Venho carinhosamente lhe oferecer o presente do Poetas um voo livre. a conquista é de todos. Fazes perte desse momento bem especial.
    MUITO OBRIGADA
    PASSE AQUI.
    http://sandraregina7.blogspot.com/
    VOU TE ESPERAR.
    CARINHOSAMENTE PASSO VOANDO PARA TRAZER O MEU CARINHO..
    ATÉ MAIS.
    SANDRA

    ResponderExcluir
  13. Não conhecia este poema e nem sequer a autora, mas é lindíssimo. Adorei. Beijos com carinho

    ResponderExcluir
  14. Esta imensa goiana que precisou falecer para fazer grande sucesso.
    O mundo é mesmo cruel às vezes...
    Abraços, Sil

    ResponderExcluir
  15. A cada postagem uma nova descoberta, para mim é sempre um encanto!!!

    Paz e bem!!!

    ResponderExcluir
  16. olá, passando, depois de um inverno, para degustar este belo poema, parabéns pelas palavras.

    ResponderExcluir
  17. Como me senti regressado à infância, quando a fazenda(roça) era lavrada a poder de enxada, nos longos dias da meninice e à noite a cama nos dava um repouso único.~
    Como a terra era uma mãe nos frutos que produzia...
    Saudades ...

    ResponderExcluir
  18. Oi, Silvana, anda sumida... Tem um selinho lá no meu blog para você. Vá buscá-lo. Beijos, Angela
    http://noticiasdacozinha.blogspot.com

    ResponderExcluir
  19. Calei a alma
    Aprisionei o sentir deste estúpido coração
    Mergulhei o corpo em agua dormente
    E lembrei-me de uma esquecida oração

    De quantas palavras se faz a melodia?
    Para onde caminham os passos de uma criatura perdida?
    O que será que pensa um homem caído?
    Para que serve a verdade incontida?

    Perdi a vela do meu barco de papel
    Mil tempestades assolaram-me à alma
    Abandonei o leme ao deus dará
    E encontrei uma deusa em lágrimas, de perdida chama

    Mágico beijo

    ResponderExcluir
  20. Meus amigos qta saudades , voltei depois de muito tempo , morrendo de saudades de vcs ...
    Pode ser que um dia o tempo passe...
    Mas, se a amizade permanecer,
    Um de outro se há-de lembrar. bjus...

    ResponderExcluir
  21. Cora. sempre Cora...a nos falar do óbvio de forma tão diferente!

    ResponderExcluir
  22. E lindo e rui e feio ebom e asim que o mundo e feito de alegria e de tristesa maldade mais e asim que podemos viver somo filhos da terra mais tem algo mais forte que nos ajuda sem ele nao somos niguem e nosso pai meu grade pai DEUS

    ResponderExcluir
  23. BOA TARDE NADA TEM SENTIDO SE NÃO TOCARMOS NOS CORAÇÕES DAS PESSOAS E TRASMITIRMOS O QUE SE CHAMA O VERDADEIRO AMOR QUE É A POESIA BJUS UMA BOA SEMANA A TODOS !!!!!!

    ResponderExcluir
  24. SUELY NOSSA QUE LINDO. ACHEI MARAVILHOSO NUNCA TINHA LIDO O CÂNTICO DA TERRA É UMA COISA QUE MECHE MUITO COM A NOSSA NATUREZA AMEI!!!!!!

    ResponderExcluir
  25. Quanta inspiração e arte neste poema! Caramba!
    Parabéns pela postagem!
    Bjs.

    ResponderExcluir